Arquivo

1: Para começar, acredito que tenha havido um equívoco
2: Bati na sua porta e saí correndo
3: Ajude-me. Posso precisar de amor.   
4: Adormeci no sofá dela
5: Por mais bobo que possa ser
6: Uma canção
7: Um diálogo sobre corações e atletismo
8: Mensagem ao amigo que partiu
9: Em busca de um propósito: uma garota tem que começar de novo em algum momento
10: A vida como a vemos em nosso enorme planeta e nele somente
11: Como se milhões de pães tivessem sido roubados
12: Águas cinzas, por assim dizer
13: Esse cotidiano de ladrilhos, cachorro, telhado que brilha, marcenaria...
14: Chester B. estava ausente quando ouvi uma canção
15: Não falávamos dos bits na Internet
16: Gostaria de dizer algo a respeito de meu círculo social
17: Tenho uma planta no meu antebraço
18: Minha mãe me continha
19: Não se perca na mata, meu filho
20: O conselho
21: 288 pedacinhos de papel terão sobrevivido ao dragão...
22: Assumo que ela me impressiona
23: Vinho novo em odres novos
24: Não me leve a mal, mas quero lhe passar uma tarefa insólita
25: Eles falavam sobre Cristal. Cristal de mentanfetamina
26: Estava numa busca por mim mesma quando encontrei você
27: Financeiramente falando…
28: Sobre ser um garoto
29: E que vale a vaidade diante da finitude?
30: Pensei sobre o que realmente queria. Uma bela possibilidade me ocorreu.
31: Serei gentil
32: Há esse pequeno folheto informativo de Leia-me Por Favor a respeito de Leia-me Por Favor
33: A despeito de meus modos errados, alguma luz pôde ser encontrada
34: Desculpe não poder convidá-lo para entrar
35: Ainda o tipo difícil de se localizar, como você diria
36: O romance acabou e tem sido repensado
37: Trata-se de simples desabafo a respeito de um complexo desafeto
38: Botões! Botões! Botões!
39: Quando algo me era falto, fez-se música o desamor
40: Do que algumas filhas são feitas e como passam as noites
41: Mas houve todo um processo envolvido em mudar a minha mentalidade
42: Nós jogávamos a grande bola do pilates
43: Começa o segundo ano do desafio
44: Há o momento em que as aparências enganam. Quanto ao mais, não desejo expressar um intelectualismo vão a respeito da política.
45: Não julgue que esqueci
46: Primeiro reconhecemos o risco, então fazemos alguma coisa
47: A tranquilidade pode encontrar resgate em um tipo muito específico de liberdade
48: Esperança
49: Agora, o que acreditamos fundamentalmente sustenta o futuro
50: Mas, cedo ou tarde, por mais que forte, terei que encarar isso
51: Algo mudou
52: Já que estamos aqui e aqui é tão longe
53: Toc toc
54: A informação que faltava mostrou-se contrarrevolucionária
55: Mensagem n° 55
56: Chegarão tarde
57: Uma hipersubjetiva mensagem que contasse sobre nossas interações fugazes
58: A manhã veio com uma sensação estranha
59: “Our destiny lies above us”
60: Não devo dar-lhe nomes ainda
61: Cartas rasgadas reconstituídas
62: Foi de improvável a provável que conhecesse determinadas verdades
63: Há memórias que num acordo íntimo juntos construímos
64: Não saber era parte necessária 
65: Há modos de viver e modos de morrer
66: Medo adormecido
67: Pelo contrário, não o defenderia nem que para isso fossem necessários três do mesmo problema
68: Quando falamos por meio de códigos
69: Até que uma temporada se torne eternidade
70: Este não é um dia comum
71: Mensagem n° 71
72: A escolha uma vez feita, embora consequentemente um fato
73: Nenhum dia tão excepcional quanto amanhã
74: As vidas perdidas caíam num túnel
75: Pode ser que eu seja relapso desta vez...
76: Nesse tempo que ainda desconheceis
77: Nada sabia até então
78: Trata-se do relato de um distraído
79: Bem-vindo. Tem havido algumas mudanças. 
80: Bastassem as lamparinas de um terceiro qualquer
81: Crá, crá, crá, crá
82: Cada minuto de espera
83: Somos histórias a serem contadas 
84: Sou a pessoa por trás das cortinas abertas
85: Ligadas a um milagre
86: Eu, que fui lá fora
87: O que uma pessoa, nessas circunstâncias, não vai te dizer
88: Ele, que fala de Deus
89: Meu querido amigo, estou viva
90: Tenho estado errada
91:O silêncio me conhece
92: Além daqui algo mais. Por favor acredite.
93: Por que continuar